Pátria

Útá Wikipedia.
Kokɛndɛ na: bolúki, boluki

Pátria (Ekólo na lingála) ezalí loyémbo-lokúmu la Timor ya monyɛlɛ ya monyɛlɛ o lokótá liputrugɛ́shi. Ezalí loyémbo-lokúmu la yangó bandá 28, Sanza ya Zomi na Moko 1975. Ekomámákí na Francisco Borja da Costa (texte) mpé eyémbámákí na Afonso de Araújo (mizíki).


Loyémbo[kokoma | kobɔngisa mosólo]

Liputrugɛ́shi[kokoma | kobɔngisa mosólo]

Pátria, Pátria, Timor-Leste, nossa Nação.
Glória ao povo e aos heróis da nossa libertação.
Pátria, Pátria, Timor-Leste, nossa Nação.
Glória ao povo e aos heróis da nossa libertação.
Vencemos o colonialismo, gritamos:
abaixo o imperialismo.
Terra livre, povo livre,
não, não, não à exploitação.
Avante unidos firmes e decididos.
Na luta contra o imperialismo
o inimigo dos povos, até à vitória final.
Pelo caminho da revolução.

Lingála[kokoma | kobɔngisa mosólo]